WhatsApp Image 2022-04-14 at 11.32.02
WhatsApp Image 2022-02-09 at 13.20.53
WhatsApp Image 2022-01-08 at 06.02.50
odonto-acre-1024x325-1-300x95
Propaganda GoVista
previous arrow
next arrow

Tentativa de fuga deixa 49 detentos mortos

Pelo menos 49 detentos morreram e trinta ficaram feridos em uma tentativa de fuga de uma prisão de Tuluá, município no sudoeste da Colômbia, na madrugada desta terça-feira (28), informou à AFP um porta-voz do Instituto Nacional Penitenciário e Carcerário (Inpec).

Mapa da Colômbia localizando Tuluá

A tragédia ocorreu em um pavilhão do presídio municipal quando os presos, aparentemente amotinados, queriam fugir, disse o general Tito Castellanos, diretor do Inpec.

“Infelizmente há uma rebelião no pavilhão número oito da prisão de Tuluá, onde há 1.267 presos, com um lamentável resultado de 49 mortes”, disse o oficial à La W Radio.

Segundo Castellanos, os internos morreram em um incêndio causado por eles mesmos. Há mais 30 pessoas “feridas e afetadas pela conflagração e pela fumaça”, acrescentou o general, sem fornecer um relatório sobre prisioneiros fugitivos.

– Poderia ser “pior” –

As autoridades avaliam várias hipóteses, desde uma “tentativa de fuga” até distúrbios provocados “para encobrir alguma situação”, de acordo com o relatório oficial.

No local exato afetado pelas chamas havia 180 detentos, que colocaram fogo em colchonetes para impedir a entrada da polícia no pavilhão.

Em reação, os agentes tentaram controlar o incêndio com extintores e conseguiram retirar dezenas de presos com vida.

“Se não, o resultado teria sido pior do que este que temos atualmente”, enfatizou Castellanos.

Entre os guardas estão “vários feridos” que ajudaram os presos a deixar o pavilhão.

O presidente Iván Duque citou o ocorrido no Twitter, sem mencionar números.

“Lamentamos os acontecimentos ocorridos no presídio de Tuluá (…) Dei instruções para realizar investigações para esclarecer essa terrível situação. Minha solidariedade às famílias das vítimas”, escreveu o presidente.

O sistema penitenciário colombiano abriga 97.426 presos. A superpopulação é de 16.251, o equivalente a 20%, segundo o Inpec.

comentarios

Comentários estão fechados.