WhatsApp Image 2022-04-14 at 11.32.02
WhatsApp Image 2022-02-09 at 13.20.53
WhatsApp Image 2022-01-08 at 06.02.50
odonto-acre-1024x325-1-300x95
Propaganda GoVista
previous arrow
next arrow

Qualidade do ar no Vale do Rio Acre piora nos últimos dias com a seca

À medida que o verão avança, o tempo e o a poluição precarizam a qualidade do ar que o acreano respira. Especialmente o Vale do Acre o ar tem perdido qualidade nos últimos dias, oscilando entre períodos bons e ruins com prevalência do segundo devido às queimadas.

 

 

Em Assis Brasil qualidade do ar é considerada satisfatória nesta quinta-feira (21) e a poluição do ar não apresenta risco a população -e, por isso, a faixa estabelecida pelo sistema de medida é da cor verde.

 

Já em Brasiléia, desde o dia 20 de julho que a faixa é amarela. Ali e em vários municípios do Vale do Acre, a qualidade do ar é aceitável. No entanto, se expostos por 24 horas ou mais, pode haver um problema de saúde moderado para um número muito pequeno de pessoas

 

Mesma faixa de cor em Epitaciolândia, Xapuri e Capixaba e Rio Branco, onde há tendência de piora por causa das queimadas urbanas.

 

Esses dados estão disponível no portal Qualidade do Ar no Acre, organizado pelo Ministério Público do Estado. Em junho 2019 se tornou operacional a maior rede de monitoramento da qualidade do ar da Amazônia, baseada em sensores PurpleAir PA-II-SD de baixo custo e conceito inovador da Internet das Coisas (Internet of Things – IoT) que se conecta a uma rede internacional, com disponibilização de dados em tempo real e de forma gratuita. Foram instalados 30 sensores, distribuídos nas sedes dos 22 municípios do Estado do Acre.

 

Esta ação foi realizada pelo MP em parceria com a Universidade Federal do Acre e dezenas de instituições.

 

https://www.instagram.com/techvwear/

 

Por Ac24Horas

comentarios

Comentários estão fechados.