WhatsApp Image 2022-04-14 at 11.32.02
WhatsApp Image 2022-02-09 at 13.20.53
WhatsApp Image 2022-01-08 at 06.02.50
odonto-acre-1024x325-1-300x95
Propaganda GoVista
previous arrow
next arrow

MP do Acre doa 12 medidores de qualidade do ar para MPs da Amazônia

Brasiléia, Acre

 

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) doou oito medidores da qualidade do ar, para os Estados que compõem a Amazônia Legal.

A doação foi oficializada pela pela procuradora-chefe do MPAC durante Encontro de Procuradores-Gerais de Justiça da Amazônia Legal, realizado nesta quarta-feira, 12, em Belém.

Os aparelhos foram viabilizados para o MPAC, pelo Centro de Pesquisa de Woods Hole, do pesquisador da UFAC, professor Foster Brown.

O acordo assinado por todos os Procuradores-Gerais de Justiça que compõem os Estados da Amazônia Legal, visa a implementação, em todos os Ministérios Públicos que integram a Amazônia Legal, de mecanismos para a prevenção e o combate ao desmatamento e às queimadas como, por exemplo, forças-tarefas, grupos de atuação especial ou similares. A doação dos medidores por parte do MPAC, já conta como meta em resposta ao acordo assinado.

O MPAC iniciou em 2019, a instalação do projeto de monitoramento da qualidade do ar, uma iniciativa coordenada pelo CAOP do Meio Ambiente, em parceria com a UFAC e o Poder Judiciário Acreano. O aparelho medidor auxilia no monitoramento da fumaça decorrente das queimadas e qualquer cidadão pode ter acesso a essas informações através da internet.

“Com essa doação, os Estados do Pará, Amazonas, Rondônia, Amapá, Tocantins, Roraima, Mato Grosso, e Maranhão, também passam a realizar o monitoramento da ocorrência de queimadas em tempo real, possibilitando o combate a incêndios, por parte dos órgãos de fiscalização e responsabilização. Além desses oito medidores, o MPAC vai doar também, outros dois aparelhos para a região de fronteira da Amazônia brasileira, sendo um para o Ministério Público do Peru e outro para o MP da Bolívia”, contou a chefe do MP acreano durante seu discurso no evento.

Redação FN

Fonte: Ac24horas

comentarios
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.