WhatsApp Image 2022-04-14 at 11.32.02
WhatsApp Image 2022-02-09 at 13.20.53
WhatsApp Image 2022-01-08 at 06.02.50
odonto-acre-1024x325-1-300x95
Propaganda GoVista
previous arrow
next arrow

Damasceno diz que decisão do TCE é referente aos últimos 6 meses de gestão em 2016

O ex-prefeito de Tarauacá, Rodrigo Damasceno, justificou nesta segunda-feira, 4, por meio de nota, a decisão do Tribunal de Contas do Estado (TCE) em condenar o ex-gestor em quase R$ 2 milhões com o pagamento de combustível.

 

https://www.instagram.com/techvwear/

 

Segundo o ex-prefeito, os gastos são referentes aos últimos 6 meses de gestão no ano de 2016. “Esclareço que essa decisão do TCE é do consumo total de combustíveis dos últimos seis meses da nossa gestão do ano de 2016, eles questionaram todo o nosso consumo e estão me cobrando por isso”, declarou.

 

Rodrigo alfinetou a atual gestão em relação ao consumo de combustível. “Como se a Prefeitura de Tarauacá nos últimos 6 meses não tivesse tido consumo algum. Então nos últimos 6 meses de gestão fechamos a Prefeitura? Porque é isso que estou sendo questionado e os gastos com atendimentos nas ações de saúde, no transporte escolar, na secretaria de obras e serviços sociais do Município. Estou sendo questionado em algo que tenho como explicar, tanto que já fizemos a nossa nota técnica para o tribunal analisar. Agora será que os que estão difundido coisas negativas sobre nós têm a mesma consciência tranquila?”, alegou.

 

O médico lembrou ainda que é o único ex-prefeito que tem nome limpo no sistema do TCE. “Sou o único ex-gestor de Tarauacá que tem a certidão de nome limpo dentro do TCE. Espero que os mesmos que me atacam hoje possam dizer o mesmo depois. Tenho a consciência tranquila, pois sempre respeitei o erário público, assim usarei de todos os recursos técnicos e jurídicos para provar a minha inocência”, esclareceu.

 

https://www.instagram.com/mahoustore/

 

Por Ac24Horas
comentarios

Comentários estão fechados.